5 dicas para tatuadores iniciantes lidarem com a ansiedade na hora de tatuar

tatuador
Share on facebook
Share on email
Share on whatsapp

O primeiro mês na vida profissional para a maioria dos tatuadores iniciantes é sempre um período que pode trazer nervosismo e ansiedade. Afinal, independente de quanta prática se tem, a responsabilidade de realizar uma sessão de tatuagem em um cliente novo, e muitas vezes desconhecido, pode causar grande ansiedade no tatuador, atrapalhando seu trabalho e correndo risco de erros.

Nervosismo e ansiedade são algo comum quando se é novato em qualquer trabalho, mas em uma profissão que demanda precisão e firmeza, como a da tatuagem, a ansiedade deve ser superada desde o primeiro dia. Por esse motivo, preparamos 5 dicas para tatuadores iniciantes lidarem com a ansiedade na hora de tatuar. Confira!

1. Antecipe o que vai fazer antes de cada sessão

Um dos maiores motivos provocadores de ansiedade é a incerteza, e ela sempre acontece quando o tatuador não está totalmente preparado para realizar a sessão. Por esse motivo, é importante antecipar toda a sessão, desde o local onde se vai começar o desenho, até a ordem das cores a serem utilizadas na tatuagem.

Antecipar é o mesmo que planejar, e planejar é ter todo o trabalho sob controle. Separar todo o material que vai utilizar e saber exatamente onde está, também é outra forma de antecipar o trabalho, não ser pego de surpresa por nada e garantir uma sessão tranquila e sem ansiedade.

2. Escolha uma boa música

Um método simples, mas eficaz, e serve para tirar a tensão de praticamente qualquer coisa. Escolher uma música que acalme, relaxe e ajude a concentrar, pode ser tanto benéfico para anular a ansiedade de um tatuador novato, quanto ajudar o próprio cliente a esquecer a dor durante a sessão.

Claro que aí vale o bom senso próprio em escolher algo que ajude a diminuir a ansiedade e não acabe atrapalhando a concentração na hora de tatuar.

3. Tenha boa alimentação e hidratação

Podem parecer coisas desconexas, mas é, tanto de conhecimento popular, quanto comprovado pela ciência: comer acalma.

Não só comer acalma, como não comer direito aumenta o grau de ansiedade em situações de stress, e o mesmo vale para uma má hidratação.

Por isso, antes de uma sessão, certifique-se de estar bem alimentado e hidratado, pois certamente são fatores que influenciam no grau de ansiedade.

4. Faça pausas

Fazer uma tatuagem é um processo de concentração, precisão e requer o mínimo de movimentos bruscos por parte do tatuador, e nenhum movimento qualquer por parte do cliente a ser tatuado.

Por esse motivo, uma sessão mais longa pode ser desgastante e o ideal é que o tatuador sempre faça pequenas pausas após certos períodos de tempo. Essas pequenas pausas vão ser úteis para alongar os músculos, esfriar a cabeça após tanto tempo de concentração e até dar um tempo para o cliente respirar após um tempo de dor sem pausa.

5. Converse

O diálogo é um dos fatores mais comuns para o trabalho de um profissional tatuador e, de certa forma, uma solução quase natural para tatuadores novatos lidarem com a ansiedade e o nervosismo.

Como uma parte importante do trabalho mesmo antes, durante e depois da sessão, o diálogo não só ajuda a acalmar os nervos, tanto do próprio tatuador novato, quanto do cliente, como também ajuda a firmar uma boa relação entre prestador de serviço e cliente.

No resumo, uma conversa amigável e que não atrapalhe a concentração ajudará a tornar o ambiente mais leve e tornará menos ansioso e mais confiante o tatuador novato.

Essas são as dicas para tatuadores iniciantes lidarem com a ansiedade na hora de tatuar. Independente da situação, lembre-se de seguir as dicas, ficar frio e desempenhar um bom trabalho!

Receba mais notícias

Deixe seu email abaixo para ser incluído em nossa lista de comunicação.