Conheça os diferentes tipos de tintas usados para tatuar

tintas tatuagem
Share on facebook
Share on email
Share on whatsapp

A tatuagem é uma arte milenar que se consolidou como forma de expressão entre os apaixonados por essa técnica de modificação corporal.

As escolhas são as mais distintas, variando entre desenhos coloridos até trechos de livros ou músicas em tinta escura. Então surge a questão: Você sabe quais sãos os tipos de tinta utilizados nessas tatuagens?

Pensando nisso, trouxemos os principais tipos de tinta existentes no mercado. Confira a seguir:

Conheça os diferentes tipos de tintas usados para tatuagem

As tintas são resultado de uma mistura química que revelam a cor desejada a partir do pigmento adicionado à sua receita. Assim, temos uma gama de tintas diferentes disponíveis no mercado.

• Tinta verde: essa coloração é alcançada graças aos sais de cromo acrescentados na mistura química dessa tinta.

• Vermelho e amarelo: é possível conseguir tons mais quentes como o vermelho e o amarelo utilizando o pigmento de sais de cádmio ou mercúrio, sendo que o último é mais agressivo para nosso organismo, podendo causar alergias com o passar dos anos.

• Tinta preta: essa tinta é uma das mais utilizadas atualmente e a que apresenta menos riscos à saúde, já que não possui metal em sua composição. O tom escuro é obtido através do carvão.

• Azul: os sais de cobalto são os responsáveis por dar cor a essa composição.

• Rosa e marrom: como são tons próximos ao vermelho, também conseguem sua cor com o acréscimo de sais de ferro, que possuem cádmio em sua composição.

• Tinta branca: por fim, temos o óxido de titânio como o responsável pelas tintas brancas.

Reações alérgicas

É possível que as tintas causem reações alérgicas em algumas pessoas, já que a maioria delas é feita a partir de metais. Por isso, é importante estar atento as liberações da Anvisa. Usar um produto certificado pelo órgão regulador trará mais segurança e evitará futuros problemas.

Determinadas cores também apresentam maior potencial alérgico, como o rosa, lilás e roxo. Isso não significa que essas cores são proibidas, mas é necessário realizar um teste com 24 horas de antecedência para certificar-se de que o indivíduo não apresentará reações alérgicas.

Como as tintas são liberadas no Brasil?

As tintas precisam ser registradas na Anvisa, provando que atendem a legislação do país. A empresa fabricante precisa ter boas práticas de fabricação e fazer o controle de qualidade, comprovando a segurança e bom desempenho da tinta através de documentação que comprove a realização de testes eficazes.

Receba mais notícias

Deixe seu email abaixo para ser incluído em nossa lista de comunicação.