Principais cuidados no armazenamento de pigmentos

tinta para tatuagem
Share on facebook
Share on email
Share on whatsapp

Um bom estúdio de tatuagem preza, em primeiro lugar, pela saúde de seus clientes, além da própria credibilidade e ética. Para isso, todos os detalhes são importantes, como os cuidados com o armazenamento dos pigmentos.

Apresentaremos, neste artigo, as principais formas de armazenar as suas tintas, oferecendo sempre um resultado seguro e de qualidade.

Da mesma forma que é obrigação do estúdio trabalhar com tintas aprovadas pela ANVISA, como as tintas Iron Works, também é obrigação do estabelecimento armazená-las corretamente.

Cuidados essenciais

Antes de qualquer coisa, o tatuador deve observar as informações referentes à data de fabricação e ao prazo de validade de cada tinta.

A partir da data de fabricação, os pigmentos fechados valem por dois anos. Caso já estejam abertos, passam a ter a validade de apenas seis meses, por isso é essencial verificar constantemente.

Outro cuidado fundamental com os pigmentos é mantê-los longe de lugares muito quentes ou com muita incidência de luz, natural ou artificial. Por isso, os melhores lugares para guardá-los são armários ou cabines de trabalho, desde que devidamente higienizados.

Se a única opção for uma bancada exposta, basta utilizar um plástico PVC para cobrir os pigmentos. O mercado ainda deixa muito a desejar em relação a equipamentos específicos para todo o processo que é bastante delicado e sério, porém o plástico PVC protege de forma satisfatória desde que seja trocado ao fim de cada sessão.

Atenção aos cuidados necessários antes de manusear as tintas armazenadas: descarte as luvas, que podem conter algum resquício de sangue, e lave muito bem as mãos para não haver contaminação.

Cuidar corretamente do armazenamento dos pigmentos é uma forma de garantir a qualidade das cores e a durabilidade da tatuagem na pele do cliente. Pigmentos bem cuidados são, principalmente, seguros para a saúde de quem procura pelo serviço.

Lembrando que é direito do cliente pedir para verificar as informações dos frascos, como data de fabricação, data de abertura do material e o registro da ANVISA, ok?

Riscos à saúde

Claro que é um grande incômodo para o cliente uma tatuagem que desbote rápido por conta de pigmentos vencidos, porém as consequências podem ser mais profundas e cabe ao profissional cuidar para que suas tintas sejam seguras.

Pigmentos mal cuidados podem desenvolver bactérias, causando um risco invisível ao cliente, já que é extremamente difícil perceber esse tipo de contaminação. Exposição excessiva ao calor, por exemplo, pode levar o cliente a desenvolver alergias instantâneas ou atrasadas e em vários níveis.

Seguir as normas de higienização do ambiente, também estabelecidas pela ANVISA, complementa as técnicas de armazenamento, evitando o desenvolvimento de microrganismos prejudiciais.

Isso só pode ser aplicado às tintas aprovadas pela agência reguladora, afinal, tintas não aprovadas podem conter excesso de substâncias prejudiciais por si só.

Pigmentos Iron Works são regulamentados, como pode ser verificado no site oficial da ANVISA, e garantem excelente fixação na pele, uniformidade e diversidade de cores sem colocar o cliente em risco.

São 35 anos de história e credibilidade, acesse nosso site para ter mais detalhes sobre tintas e equipamentos Iron Works!

Receba mais notícias

Deixe seu email abaixo para ser incluído em nossa lista de comunicação.