Qual a durabilidade e como funciona o retoque da micropigmentação?

Share on facebook
Share on email
Share on whatsapp

Você quer micropigmentar as suas sobrancelhas, mas tem dúvidas a respeito da durabilidade e da possibilidade de fazer um retoque? Fique atenta a todas as dicas abaixo e descubra qual o tempo certo para dar aquela acertada e também qual o período em que ficará com elas intactas e perfeitas.

O retoque

Nas primeiras 24 a 48 horas após o procedimento, é formada uma crosta suave nas sobrancelhas para que se dê início o processo de cicatrização. Após cinco dias, essa camada começa a soltar sem deixar marcas e é natural que a cor clareie bastante do tom inicial, o que tende a desesperar muitas clientes.

No entanto, o pigmento só se estabiliza na pele dentro de trinta dias, e é nesse período que será analisado se realmente clareou demais, se algum ponto ficou falhado e, acima de tudo, se há a necessidade de acertar alguma parte ou até de intensificar um pouco mais a cor com um retoque.

Assim, tendo em mente que é preciso preservar a pele e respeitar seu processo de cicatrização, esse procedimento deve ser feito entre trinta e sessenta dias após a micropigmentação, mas é importante ter em mente que ele só deve ser realizado se realmente houver necessidade.

Com isso, a cliente deve saber que não é obrigada a retocar e que essa intervenção só deve ser feita se ela não estiver completamente satisfeita com o resultado.

A durabilidade

A micropigmentação não é uma técnica definitiva. Isso ocorre porque, mesmo sendo bem similar à tatuagem, neste caso, o pigmento é implantado na derme e não na hipoderme, o que faz com que, por ser uma camada que está em constante renovação celular, acabe desbotando a cor dentro de certo período.

Ainda assim, para especificar quanto tempo dura o resultado é preciso estar atenta a dois fatores: o tipo de pele da cliente e qual a técnica utilizada pela profissional. Mas por que isso? Porque as peles mais oleosas e acneicas, que costumam usar produtos à base de ácidos, tendem a ter uma duração menor do que as peles secas e normais. Já sobre a técnica, é porque as chances do fio a fio desbotarem são muito maiores do que a microblanding, por exemplo.

Contudo, o tempo médio de durabilidade é de oito meses a dois anos, e é indicado que a cliente faça uma manutenção anualmente, para que tenha sempre seu design em dia e do jeito que gosta.

Ajudando o corpo

Nós sabemos que o sonho de todas é simplesmente fazer a micropigmentação e mantê-la assim por um bom tempo, não é mesmo? Mas você pode ajudar o seu corpo nessa jornada e conseguir fazer com que o procedimento dure um pouco mais a partir de algumas técnicas simples. Confira:

• Evite banho com água quente e sol nos primeiros sete dias após o procedimento;

• Mantenha a área sempre bem hidratada;

• Aplique protetor solar com frequência para evitar a ação do sol na tonalidade;

• Não use pomadas cicatrizantes, pois elas irão atrapalhar o processo.

Agora que você já sabe como cuidar da sua micropigmentação, o tempo certo de retocar e quanto irá durar, não deixe de realizar o procedimento. Você irá perceber o quanto sua autoestima irá aumentar e como essa técnica irá trazer praticidade para o seu dia a dia, sem precisar desenhar sobrancelhas com maquiagem cada vez que precisar sair. Fica a dica!

Receba mais notícias

Deixe seu email abaixo para ser incluído em nossa lista de comunicação.